Sobe para 31 o número de mortos pelas chuvas no Rio Grande do Sul

Portal Tabatinga

Geral

Sobe para 31 o número de mortos pelas chuvas no Rio Grande do Sul

Publicado em 03/05/2024 – 11:17 Por Renato Ribeiro – repórter da Rádio Nacional – Brasília

Mais de 350 mil pessoas em 235 municípios foram afetadas pelas fortes chuvas e enchentes no Rio Grande do Sul.

O estado registra 31 mortes, 74 desaparecidos, 17 mil desalojados e 56 feridos.

As aulas estão suspensas  para 170 mil estudantes da rede estadual.

Nesta sexta-feira (3), são 154 trechos em 68 rodovias com bloqueios totais e parciais, entre estradas e pontes.

Porto Alegre está em estado de calamidade pública.

O Rio Guaíba pode atingir cinco metros até sábado e ter a maior cheia da história, superando a enchente registrada em 1941 na capital.

O governador Eduardo Leite pediu para que a população deixe as áreas de risco.

As chuvas intensas dos próximos dias podem provocar a maior tragédia ambiental do Rio Grande do Sul.

Cidades estão isoladas, com áreas de deslizamentos de terra, bloqueios nas estradas, rompimento de barragens, problemas de comunicação, falta de energia, água e telefonia.

Eduardo Leite deu detalhes sobre essa situação.

Levantamento aponta que os rios Caí, Taquari e Jacuí estão enfrentando as maiores cheias já registradas.

A instabilidade climática persiste no Estado e, até sábado, deve avançar para as regiões da Serra e do Litoral Norte.

Um novo alerta indica que pode chover forte até o meio-dia de segunda-feira.

Fonte: Radio Agência