Mais de 20 municípios do AM têm bois-bumbás como protagonistas em festejos

Portal Tabatinga

Mais de 20 municípios do Amazonas têm os bois-bumbás como protagonistas em festejos, aponta pesquisa do Instituto do Património Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Além de Parintins, com um festival que é conhecido mundialmente, os ritos são encontrado em cidades do Médio Amazonas como Maués, Lábrea e Japurá.

Os folguedos do boi são celebrações que envolvem a combinação entre a festa junina e religião. Entre os elementos que compõem essas celebrações estão orações, dança, cortejo, toadas, instrumentos musicais, artesanato e a utilização da matéria prima amazônica.

Segundo os registros, a chegada do folguedo do boi no Amazonas teria sido por meio das missões jesuítas retomando tradições europeias e agregando influências negra e indígena. Durante o ciclo da borracha, os nordestinos, atraídos pela exploração das seringueiras, também se estabeleceram no estado, imprimindo as raízes culturais do Nordeste brasileiro à brincadeira do boi.

Boi-bumbá Malhado do município de Maués — Foto: Divulgação

Boi-bumbá Malhado do município de Maués — Foto: Divulgação

Mais de 20 municípios do Amazonas têm os bois-bumbás como protagonistas em festejos, aponta pesquisa do Instituto do Património Histórico e Artístico Nacional (Iphan). Além de Parintins, com um festival que é conhecido mundialmente, os ritos são encontrado em cidades do Médio Amazonas como Maués, Lábrea e Japurá.

A pesquisa do Iphan foi registrada no “Livro de Registro das Celebrações” como Patrimônio Cultural do Brasil em 2018.

Segundo os registros, a chegada do folguedo do boi no Amazonas teria sido por meio das missões jesuítas retomando tradições europeias e agregando influências negra e indígena. Durante o ciclo da borracha, os nordestinos, atraídos pela exploração das seringueiras, também se estabeleceram no estado, imprimindo as raízes culturais do Nordeste brasileiro à brincadeira do boi.

Boi-bumbá Tira Fama. — Foto: Divulgação

Boi-bumbá Tira Fama. — Foto: Divulgação

Além de Parintins, a pesquisa do Iphan alcançou 22 municípios do Médio Amazonas que adotam os bois como protagonistas em festejos. São eles:

  • Amaturá;
  • Autazes;
  • Barreirinha;
  • Benjamin Constant;
  • Boa Vista do Ramos;
  • Borba;
  • Coari;
  • Fonte Boa;
  • Itacoatiara;
  • Itapiranga;
  • Lábrea;
  • Manaus;
  • Maués;
  • Manicoré;
  • Nova Olinda do Norte;
  • Silves;
  • Urucurituba;
  • Careiro Castanho;
  • Japurá;
  • Pauini;
  • Nhamundá.
  • Fonte: G1 amazonas