Notícia LocalNovidades

Coordenadora do Bolsa Família em Tabatinga explica sobre o auxílio emergencial no período da pandemia

O programa Alô Fronteira recebeu a coordenadora do Programa Bolsa Família e Cadastro Único, em Tabatinga, Erika Spinnely, para esclarecer sobre o auxílio emergencial do governo federal. 

O auxílio emergencial é destinado a trabalhadores informais, microempreendedores individuais (MEI) , autonômos e desempregados que estão impossibilitados de trabalhar devido ao isolamento social. O benefício foi sancionado recentemente pelo governo federal, no valor de R$ 600, e poderá ser pago para até duas pessoas por família. No caso de famílias que a mulher seja a única responsável pela casa, o valor mensal será de R$ 1.200. 

A coordenadora explica que quem estiver no banco de dados do CadÚnico até o dia 20 de março e atenda as regras do programa, o cadastro será automático para esse benefício do governo federal. As pessoas que possuem os requisitos para receber o auxílio e não estão cadastradas no CadÚnico, poderão baixar o aplicativo Caixa Auxílio Emergencial.

Ainda segundo ela, o governo tem o prazo de cinco dias para fazer o cruzamento dos dados  para ter certeza que as informações enviadas pelo aplicativo ou site da Caixa Econômica são verídicas.

Fonte: Rádio Nacional do Alto Solimões

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Adblock detectado

Por favor, considere apoiar-nos, desativando o seu bloqueador de anúncios