quarta-feira, 14 junho de 2017
Home / Saúde / Saúde do Amazonas recebe um aporte de R$ 60 milhões do Ministério da Saúde

Saúde do Amazonas recebe um aporte de R$ 60 milhões do Ministério da Saúde

O Governo Federal, por meio do Ministério da Saúde (MS), repassou cerca de R$ 60 milhões de recursos para investimentos na área da saúde para o Amazonas, fruto de articulações e emendas parlamentares ao Orçamento Geral da União de iniciativa da deputada federal Conceição Sampaio (PP-AM). O resultado faz parte de um balanço de mais de dois anos de mandato da parlamentar.

O primeiro resultado da articulação com o Ministério da Saúde foi a conquista de um repasse, em cota única, de R$ 30 milhões, em agosto do ano passado, para o Fundo Estadual de Saúde. Esse montante trata-se de uma verba extra do teto de repasses do Sistema Único de Saúde (SUS), o que proporcionou ao Estado uma alternativa para solucionar problemas enfrentados pela saúde, em virtude da crise econômica.

Conceição também conseguiu, junto ao MS, um investimento de R$ 10 milhões para atendimentos de Média e Alta Complexidade (MAC) em unidades de saúde para capital e interior. Esse bloco de financiamento de atenção de média e alta complexidade ambulatorial e hospitalar é composto por ações e serviços que visam atender aos principais problemas e agravos de saúde da população.

A deputada também conseguiu habilitar diversos serviços e tratamentos médicos específicos em unidades de saúde no Amazonas. Antes, somente o governo estadual era responsável por custear os tratamentos específicos. Com essas habilitações, o governo passou a estar apto para receber recursos federais. No total, foram liberados quase R$ 2 milhões para o Amazonas.

Desse montante foram destinados para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Pediátrica do Hospital Francisca Mendes, R$ 1,397 milhão e outros R$ 1,397 milhão para a UTI Pediátrica do Hospital de Medicina Tropical; R$ 698 mil para UTI da Maternidade Ana Braga; mais R$ 409 mil para o Samu de Itacoatiara e R$ 204 mil para o Samu de Rio Preto da Eva, R$ 294 mil para atendimento neonatal nas maternidades da Alvorada e Azilda Marreiros, entre outros.

Das emendas individuais ao Orçamento Geral da União de 2017, Conceição disponibilizou R$ 8 milhões para investimentos a saúde. “São quase R$ 60 milhões que lutamos para conquistar para a saúde do nosso Estado. Fico feliz e espero continuar na luta e buscando mais recursos e melhorar, consequentemente, a qualidade de vida da população”, afirmou Conceição.

Foto: Gustavo Lima/

Check Also

Tabatinga ocupa a 8ª posição em casos de tuberculose no Estado

De acordo com o Sistema de Informação de Mortalidade do Ministério da Saúde o Estado …