quarta-feira, 15 fevereiro de 2017
Início / Política / Punição à vista para ex-prefeitos

Punição à vista para ex-prefeitos

O TCE-AM aceitou representação contra os ex-prefeitos de Maués, Urucará, Silves, Parintins e Presidente Figueiredo por dificultarem o processo de transmissão dos mandatos para os prefeitos eleitos nos respectivos municípios. As representações foram movidas por presidentes das comissões de transição. Eles acusam os ex-prefeitos de sonegarem documentos às comissões. Ano passado, o TCE-AM publicou resolução estabelecendo as regras para a transmissão de cargos. Poucos cumpriram.

Pente fino   O presidente do TCE-AM, Ari Moutinho Junior, também acatou representação do deputado estadual Luiz Castro (Rede) para investigar contratos das empresas da “Maus Caminhos” desde 2002. A medida atinge  dois mandatos de Eduardo Braga (PMDB).

Só H  O deputado federal Alberto Fraga (DEM-DF), que preside a Frente Parlamentar da Segurança Pública, declarou à imprensa nacional que as medidas que o governo federal tem anunciado para ajudar estados como o Amazonas na crise do sistema penitenciário não passam de “perfumaria”.

Alvo é outro “As medidas anunciadas pelo ministro da Justiça não contemplam o que foi identificado pela CPI (do sistema carcerário, de 2015). Eles só falam da compra de equipamentos (…) Nenhuma medida toca o dedo na ferida”, declarou ele à Folha de S. Paulo.

Vai lá O desconhecimento confesso do novo secretário de Esportes do município, Mário Barros (PSDB), é sinal de que a nomeação dele para a pasta foi surpresa mesmo. Até para ele.

Eu? “Nunca tive nenhum envolvimento com o esporte, tanto que fui surpreendido com o convite do prefeito Artur Neto”, afirmou Barros ontem à reportagem do Manaus Hoje, jornal popular da RCC.

Apegado E o ex-secretário da Semjel, Luiz Neto, não quer desapegar do cargo. Quatro dias após o anúncio da substituição dele pelo tucano Mário Barros, Neto ainda despachava  na sala de secretário  e usava o carro do titular da pasta, ontem.

Pra baixo Luiz Neto desistiu de disputar uma cadeira na CMM com a garantia do prefeito que ficaria na pasta. Ficou, mas rebaixado a sub de Captação de Recursos na Semjel.

Medo  A briga por comissões na ALE-AM na gestão de David Almeida (PSD) causou fato inusitado: os deputados estão na Casa em pleno recesso. Ninguém arreda o pé, com medo de ser passado para trás.

Área alheia  O deputado estadual Wanderley Dallas (PMDB) planeja deixar Manaus apenas semana que vem. Vai fazer corpo a corpo com eleitores do Alto Solimões, curral eleitoral do colega de ALE-AM, Belarmino Lins.

Eu que fiz  O vereador Marco Antônio Chico Preto (PMN) quer dividir com o presidente Wilker Barreto (PHS) o mérito pela liberação do Habite-se do prédio da CMM. Foi na gestão do parlamentar do PMN que o novo prédio foi construído.

Fiz direito “Nenhuma obra recebe o habite-se se não for construída respeitando as mais rigorosas normas técnicas. A sensação é de dever cumprido”, comentou Chico Preto.

No governo   O governador José Melo (Pros) nomeou o jurista Márcio Rys Meirelles para o cargo de diretor-presidente do Amazonprev.

Fonte: Acritica.com

Viu isso?

Prefeitura de Tabatinga irá divulgar vencimento de seus servidores

O objetivo é colocar Tabatinga entre os 10 municípios que melhor trabalham com a transparência …