quinta-feira, 16 fevereiro de 2017
Início / Notícia Local / Amazonas tem 48 obras com recursos federais que estão inacabadas

Amazonas tem 48 obras com recursos federais que estão inacabadas

Lista com as obras, ainda provisória, foi divulgada, na última quarta, em reunião da  Comissão Especial das Obras Inacabadas do Senado

Manaus – No Amazonas, 48 obras do governo federal, que totalizam recursos de R$ 169 milhões, estão inacabadas segundo lista divulgada ontem pela Comissão Especial das Obras Inacabadas do Senado. Além da apresentação da lista com 1.600 projetos não concluídos em 1.500 municípios em todo o País, a comissão aprovou, ainda, o plano de trabalho.

Entre as obras inacabadas no Amazonas, 24 estão com menos de 50% das instalações construídas, segundo a lista. Compõem a relação 16 obras de contenção de erosão fluvial para contenção de cheias no Estado, oito construções de creches e pré-escolar, seis obras de urbanização de assentamentos precários, quatro obras de saneamento básico, além de três quadras poliesportivas em escolas, entre outros.

125749_697x437_crop_58363212e0d8216 obras de contenção de erosão fluvial para contenção de cheias no Estado compõem a relação
Foto: Divulgação/Defesa Civil do Estado

Durante a reunião, o relator da Comissão, senador Wilder Morais (PP-GO), afirmou que a intenção é estreitar essa lista, porque, segundo o parlamentar, nela figuram obras ‘fantasmas’, ou seja, não iniciadas de fato, ainda inscritas na fase de empenho. Morais pediu ainda que os senadores verifiquem em seus respectivos Estados a situação dessas obras.

No início do mês, o deputado federal Pauderney Avelino (DEM) afirmou que o governo federal está atuando para liberar R$ 164,5 milhões do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) para o Amazonas.

Para o presidente da Associação dos Municípios do Amazonas, prefeito de Itamarati João Medeiros Campelo (PMDB), o impacto na economia é de curto prazo. “O que continuaremos lutando é por mais incentivos para a produção nos municípios e criação de uma ou mais matrizes econômicas que permitam, de fato, o crescimento econômico do interior do Amazonas”, afirmou.

Fonte: http://new.d24am.com

Viu isso?

Prefeitura Municipal de Tabatinga abre Processo Seletivo na área da Educação

A PREFEITURA MUNICIPAL DE TABATINGA, por intermédio da SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO – SEMED, torna …